Babies

Eles são funcionais, versáteis, macios, coloridos e o ponto alto da decoração, até mesmo para o quarto de bebê. O futon, cama ou edredom japonês, tem propriedades relaxantes e pode ser usado de diversas maneiras, especialmente em ambientes compactos. Os futons são resultado de uma técnica milenar de sobreposição de mantas de algodão natural recobertos por fios de algodão. Em alguns casos, podem ter como base produtos ecologicamente corretos, como látex natural e fibra de coco.

O futon pode ser usado no quarto de bebê como colchão, protetor de berço do bebê ou trocador de cômoda. Também pode ser utilizado para a prática da Shantala, técnica oriental de massagem, e como base para as crianças brincarem no chão, conciliando o estilo na decoração com conforto e segurança, especialmente na fase em que o bebê está aprendendo a engatinhar.

O futon tem a característica de acolher anatomicamente o corpo, evitando as dores e desconfortos musculares, pois, apoia a coluna. Além disso, possibilita a troca constante de energia com o ambiente, mantendo a temperatura fresca no calor e quente no inverno. Deve-se ter atenção para a manutenção do futon. Ele não pode ser lavado, nem a seco, sendo recomendado o uso de capa. Vale também coloca-lo no sol sempre que possível.